Comi a prima da minha mulher

Esse acontecimento ocorreu em setembro deste ano de 2018. Me chamo Paulo, tenho 28 anos e sou casado com a Ana que tem 26 anos, somos casados há 3 anos, e contando o tempo de namoro, estamos juntos a 5 anos. Nossa vida sexual é ótima e a cada dia melhora mais ainda. Moramos no interior do Pernambuco.

Ela tem uma prima chamada Fernanda, que tem 22 anos, um corpo magro com seios grandes, que não tem como não olhar pra eles. Ela é mãe solteira, pois numa das suas aventuras sexuais, acabou engravidando. Falando sobre essas aventuras já escutei algumas vezes sobre como ela é voraz na hora h, e é nítido que ela gosta, já que costuma postar nas redes sociais coisas relacionadas. Minha relação com ela sempre foi de pouca conversa, e muito respeito.

Mas ultimamente estava observando muito, e pensando como conseguiriam transar com ela. Nunca tive o contato, mas acabei pegando seu número no celular da minha mulher, e para minha surpresa ela tinha o meu salvo no seu celular. Comecei a se integrar quando respondi seus stores que falava sobre sexo, mas de uma forma intimista. Aos poucos fomos pegando conversar e falando um pouco mais da vida.

Minha Cunhada, que mora em outra cidade distante 100km da nossa, estava grávida do seu primeiro filho e precisaria da ajuda da minha mulher nos primeiros dias pós parto, foi ai que achei uma forma de conseguir transar com a Ana. Após minha mulher viajar, comecei a conversar coisas mais intimas, principalmente sobre sexo, foi ai que falei que tinha o desejo de passar uma noite com ela, de imediato ela disse não, isso seria errado e que não iria se envolver com o marido de sua prima, pois ela tinha muito apreço por minha mulher. Mesmo assim ainda insistir um pouco, falando que só queria provar do que as pessoas falavam sobre ela, novamente veio um não. Paramos a conversa ali, dois dias depois, a gente volta a conversa e eu novamente dou em cima dela, ela me pergunta quando vou desistir, eu respondo que só quando conseguir, mesmo correndo o risco dela me entregar, mas eu sabia que ela não faria isto.

Então finalmente ela aceitou ir na minha casa pra gente tomar uma cerveja, assistir algo e conversar, as 20h ela chega com um vestido preto que adoro, lhe atendo e falo que aquele vestido já tinha me deixado excitado, ela riu e pediu calma, a gente iria conversar e tal. Depois de uma boa conversa eu tento beija-la e ela evita, mas eu tento mais uma vez e agora consigo, um beijo quente e molhado, com uma sensação de não parar mais, lhe abraço e aperto sua bunda, a partir daí ela começa me mostra seu melhor e perigoso lado. Tira minha camisa e minha bermuda, já mandando eu ficar calado e que ela iria mandar em tudo, eu só poderia aceitar. Ela começa com um boquete que me levou as nuvens, nunca tinha ganhado igual, ela subia do saco até a cabeça do meu pau, foi um delírio. Em seguida tira o seu vestido e vejo aqueles seios como sempre imaginei, fazendo uma espanhola, roçando meu pau no meio deles, fiquei maluco, quando terminou ela mandou eu me deitar e falou que agora vai cavalgar, aquela buceta rosada, lisinha, sendo invadida pelo meu pau, e ela pulando com seus seios balançando foi a cena que sempre sonhava, eu não queria acreditar, não queria nunca mais sair dali, ela gemia como uma puta, como uma cachorra. Ali eu gozei com muita vontade, mas o melhor estava por vim, ela ficou de quatro e mandou eu socar forte, assim fiz, e fiquei enlouquecido, lhe pegava pela cintura com tanta força que pensava que ia lhe torar no meio, assim gozei de novo. Mas ainda tinha mais, ela virou de frente e pediu pra eu meter mais e mais, ai comecei a chupar sua buceta, deixando ela de olhos fechado e pulsante na cama, mas ela não queria gozar naquela hora, foi ai que meti meu pau na sua buceta mais uma vez, e chupando seus seios, que não cabiam na minha boca, eu me acabei, quase me engasguei, mas estava muito feliz, só assim ela gozou e se cansou, nos deitamos um ao lado do outro, e vendo ela toda acabada comigo, já não restava mais dúvidas que ela era mais do que tinha ouvido. Após um bom tempo, nos limpamos, nos despedimos e ela me disse até a próxima. Depois desse dia nossa relação ficou maravilhosa, e hoje somos mais próximo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *